Unlimited WordPress themes, graphics, videos & courses! Unlimited asset downloads! From $16.50/m
Advertisement
  1. Computer Skills
  2. OS X
Computers

Como Usar VPN em Seu Mac

by
Difficulty:IntermediateLength:LongLanguages:

Portuguese (Português) translation by Erick Patrick (you can also view the original English article)

Uma conexão VPN permite você conectar-se de forma segura a uma rede segura pela Internet. De qualquer outra forma, você não seria capaz. Seu Mac já vem de fábrica com suporte para administrar conexões VPN e, nesse guia, nós aprenderemos a configurar, administrar e conectar-se usando VPN. Para finalizar, nós aprenderemos como configurar seu próprio servidor VPN.

O Que é Uma VPN?

VPN é a sigla para Virtual Private Network, que, em português significa Rede Privada Virtual. Se você tem arquivos em um servidor no seu trabalho, provavelmente, ele não pode ser acessado publicamente (acessível pela Internet) e, sem sombra de dúvidas, terá um firewall para protegê-lo. Operar uma VPN é muito mais seguro que, simplesmente, liberar portas no firewall, o que pode se tornar uma brecha de segurança. Uma vez que, mais e mais trabalhadores tem feito seus serviços de casa ou em suas viagens, as empresas tem requerido uma maneira de permitir que esses empregados acessarem os recursos que eles precisam e, ainda assim, manter um alto grau de segurança.

É aí que entra a VPN, uma forma de conexão segura com uma rede privada, através da Internet. Usar uma conexão VPN é quase como se você estivesse no seu escritório ou trabalho. Imagine que você está em casa e percebeu que precisa de algo que está no servidor ou no site interno da empresa. Uma conexão VPN é quase como se tivesse um cabo de rede bem longo que está plugado em seu Mac, permitindo você conectar-se à rede do seu trabalho

Os Usos de Uma VPN

Conectar-se Remotamente a Uma Rede de Trabalho

Como falamos antes, quando se está no trabalho, você tem acesso a qualquer servidor de arquivos que existem por lá. Quando está viajando ou em casa, porém, você não poderá acessá-los. Com uma conexão VPN é como se estivesse na mesma rede do seu trabalho. Quando conectado, você será capaz de acessar qualquer servidor de arquivos da sua empresa, usando o seu endereço IP normal.

With a VPN connection you can establish a secure connection to an otherwise private (and inaccessible) network
Com uma conexão VPN, você pode estabelecer uma conexão segura ao que seria uma rede privada (e inacessível)

Criptografar Sua Navegação Web

Como uma conexão VPN é segura, quaisquer dados que navegar por ela será criptografado. Quando você está em uma lanchonete e está navegando pela web, todo os dados da sua navegação podem ser monitorados. A maioria dos aplicativos VPN (como o do OS X) incluem uma opção de permitir que todo o seu tráfego de Internet - não somente quando acessa os servidores alvo da VPN - a passarem pela conexão segura da VPN, e, dessa forma, criptografar todos os dados da sua navegação web, aumentando a segurança de tudo que você fizer online.

Estar em Qualquer Outro Lugar do Planeta

Uma vez que você habilitar que seus dados de navegação web passem pela conexão VPN, para a maioria dos sites, parecerá que sua localização de acesso é a localização do servidor VPN. Ficou confuso? Deixe-me explicar!

Digamos que você está em Londres em uma viagem e terá de ficar algumas horas em um quarto de hotel. Se você tentar acessar um site que está disponível somente nos EUA (como o Hulu), então você verá uma mensagem explicando essa situação. Se seu servidor VPN estiver localizado nos EUA e você se conectar a ele e garantir que todo seu tráfego deve passar pela conexão VPN, você passará a ter acesso ao site.

With a VPN connection you can take on the network connection of the VPN server and browse the web as though you’re in a different country
Com uma conexão VPN, você pode usar a conexão de rede do servidor VPN e navegar como se estivesse em um país diferente

Isso acontece porque, quando se está conectado através de uma VPN, você está, efetivamente naquela rede. Você terá um endereço local naquela rede, atribuído à sua conexão VPN, fazendo com que seu tráfego de internet passe a ser de onde o servidor VPN está. Como resultado, para maioria dos sites, sua localização será a localização de onde o servidor VPN está. Explicarei isso com um exemplo.

Há inúmeros sites que testam a velocidade de sua conexão por aí, e um dos mais populares é o Speedtest.net. Se eu executar um teste da minha localização atual, eu terei um resultado relacionado à velocidade da conexão de rede que estou usando, com o servidor de teste mais próximo que posso conectar-me (nesse caso, foi em Skipton, Reino Unido).

The speed test shows the nearest testing server as well as ISP information
O teste de velocidade mostra o servidor de testes mais próximo, bem como informações do ISP (Internet Service Provider, em português, Provedor de Serviços de Internet)

Agora, quando eu me conecto a um servidor VPN localizado nos EUA e faço com que todo meu tráfego de Internet passe pela conexão VPN, e executo, mais uma vez, o teste, o SpeedTest.net assume que o servidor de testes mais próximo está em Miami! Isso é porque é a velocidade de conexão do servidor VPN que está em teste.

When using a VPN connection, the speed test believes I am located near Miami
Ao usar uma conexão VPN, o teste de velocidade acredita que estou próximo a Miami

Dependendo do servidor VPN e da sua conexão, você perceberá que a velocidade cai drasticamente.

Dica: Para usuários em países restritivos, como a China, vários sites que acreditamos estarem disponíveis (Twitter e Facebook), na verdade, estão bloqueados, e alguns usuários "burlam" essa restrição usando serviços como uma VPN.

Configure uma Conexão VPN

Há algumas coisas que precisam ser feitas antes de configurar uma conexão VPN:

Endereço do Servidor VPN

Esse é o endereço IP do servidor VPN. Ele também pode ser um nome de domínio qualificado (em inglês, fully qualified domain name - FQDN) como vpn.minhaempresa.com, dependendo apenas da forma como ele foi configurado.

Nome de Usuário e Senha

Todas as conexões VPN precisam de um nome de usuário e senha. Eles, geralmente, são criados pelo admininstrador de TI da sua empresa.

Tipo de Conexão

Há dois tipos de conexões VPN: L2TP e PPTP. Ambas permitem conexões seguras, porém a L2TP é, geralmente, considerada a melhor das duas. Isso se dá porque, além do nome de usuário e senha, as conexões L2TP requerem um código secreto compartilihado. É como uma frase secreta que qualquer usuário da VPN terá de adicionar às suas conexões.

Como Conectar Seu Mac via VPN

Para preparar uma conexão VPN em seu Mac, você precisa dos seguintes detalhes:

  1. Endereço IP do servidor ou nomde de domínio qualificado
  2. Nome de usuário e senha
  3. Tipo de Conexão (L2TP ou PPTP)

Para esse tutorial, usaremos informações fictícias. Embora haja servidores VPN “gratuitos” que poderíamos usar, eu levo em consideração a privacidade e segurança do seu Mac (e do meu) bem a sério! Se quiser saber mais sobre serviços VPN comerciais, exploremos eles mais tarde.

Todas as configurações VPN podem ser adicionadas nas Preferências do Sistema, na opção Redes.

Passo 1: Abra as Preferências do Sistema e selecione Redes

Step 1: Open System Preferences and then select Network
Passo 1: Abra as Preferências do Sistema e, então, selecione Rede
Network Preferences
Preferências de Rede

Passo 2: Clique no botão + e selecine VPN na opção de Interface. Selecione o tipo de rede: PPTP ou L2TP.

Step 2: Click + and then select VPN under the interface option. Specify either PPTP or L2TP
Passo 2: Clique no botão + e selecione VPN na opção de Interface. Selecione o tipo de rede: PPTP ou L2TP

Passo 3: Selecione Configurações e então Adicionar Configuração. Chame-o de “Servidor 1”.

Step 3: Select Configuration and then Add Configuration. Name it
Passo 3: Selecione Configurações e então Adicionar Configuração. Chame-o de "Servidor 1”

Dica: Nos passos acima, pedi que você nomeasse a configuração como “Servidor 1”. Esse passo, na verdade, é opcional e você pode adicioná-lo na configuração padrão. A razão para adicionar uma nova configuração é que alguns usuários usam diversas configurações e servidores VPN diferentes. O OS X é capaz de lidar com diversas configurações VPNusando a opção configuração. Por exemplo, você pode ter um perfil VPN (outro nome para suas configurções VPN) para um escritório nos EUA e outro na Austrália.

Passo 4: Digite o endereço IP do servidor VPN (ou um FQDN) e nome de usuário.

Step 4: Enter the VPN server’s IP address (or FQDN) and user name.
Passo 4: Digite o endereço IP do servidor VPN (ou um FQDN) e o nome de usuário.

Passo 5: Selecione Configurações de Autenticação… e digite a senha. Nota: Se você selecionou uma VPN do tipo L2TP, será aqui que você também digitará a frase secreta.

Step 5: Select Authentication Settings and then enter the password.
Passo 5: Selecione Configurações de Autenticação e digite a senha.
Note: If you selected L2TP as the VPN type then this is panel is where you’d also enter the shared secret
Nota: Se você selecionou uma VPN do tipo L2TP, será aqui que você também digitará a frase secreta

Passo 6: Garanta que Mostrar situação da VPN na barra superior esteja selecionada, e clique em Aplicar.

E é isso, você está pronto! Na sua barra superior, você verá um ícone que parece com uma etiqueta de bagagem. Clique nele e selecione Conectar VPN. Uma vez conectada, você verá um cronômetro iniciar.

When a VPN connection is established, you will see a timer on the menu bar
Quando uma conexão VPN é estabelecida, você verá um cronômetro na barra superior

Agora que estabelecemos uma conexão VPN, volte até as Preferências do Sistema e você verá algumas informações sobre a conexão, incluindo seu endereço IP da VPN.

System Preferences will also display connection details such as IP address and time connected
Preferências do Sistema também mostrará os detalhes da conexão como o endereço IP e o tempo conectado

Enviando Todo o Tráfego pela VPN

Por padrão, seu Mac só passará o que for necessário pela VPN, como quando precisar acessar algum servidor de arquivos ou outras máquinas e sites na mesma rede do servidor VPN. Isso se dá porque a maioria das conexões VPN costumam ser lentas, então, o seu Mac não quer que sua experiência de Internet seja reduzida desnecessariamente. Entretanto, nós podemos sobrescrever isso.

Volte às Preferências do Sistema e selecione Avançado….

Go back in System Preferences and select Advanced.
Volte às Preferências do Sistema e selecione Avançado.

Logo de cara, veremos a opção Enviar todo o tráfego pela Conexão VPN. Marcando isso e salvando as mudanças, significará que seu Mac passará todo o tráfego da rede pela conexão VPN. Isso, geralmente, não é recomendado, já que ela pode fazer com que sua conexão de Internet pareça mais lenta, além de, possivelmente, parar o acesso às impressoras e servidores da rede física a qual está conectado.

Para todos os dados que serão passados pela conexão VPN, assim que essa opção for habilitada, precisamos configurar a lista de prioridade de serviços. Essa é a prioridade que seu Mac usará para transferir os dados pela conexão. Nós precisamos colocar a VPN como o primeiro serviço da lista. Para fazer isso, selecione o menu "roda dentada" e clique em Definir Ordem dos Serviços... Aqui, você pode arrastar os serviços na ordem necessária, para fazer com que a VPN esteja no topo.

Set the VPN to be the highest in the list of services
Defina a VPN como a mais alta na lista de serviços

Entretanto, isso é necessário se você quiser acessar sites disponíveis em um único pais, como discutido mais cedo. Você terá de usar um servidor VPN localizado no referido país. Voltando ao nosso exemplo, se você está no Reino Unido e precisar acessar um site disponível somente dos EUA, habilitar essa opção da VPN permitirá acessar esse site.

Obtendo uma Conta VPN

Para vários usuários, você, provavelmente, terá um perfil VPN criado pelo departamento de TI da empresa que você trabalha. Se você quer uma VPN para uso pessoal, há diversos serviços que oferecem contas VPN por um custo mensal pequeno.

Uma dessas empresa é a Strong VPN, que oferece contas VPN variando de $7 a $30 (dólares) por mês, dependendo dos recursos que você quiser. Eles oferecem contas VPN em diversos países ao redor do mundo e os planos deles variam dependendo do serviço que selecionar e da duração do plano que você pagar (pagar anualmente é mais barato que pagar mensalmente).

Dica: Seja cuidadoso quando escolher um provedor VPN. Ainda que o tráfego seja criptografado, garanta que a empresa escolhida tenha uma boa reputação ao invés de uma que "pareça ser boa demais para ser verdade"!

Criando Seu Próprio Servidor VPN

Você pode usar o OS X Server, mas, se você tem um Mac capaz de rodar o Mac OS X Leopard ou superior, adicione a funcionalidade de servidor VPN à versão padrão do OS X, usando um pequeno aplicativo chamado iVPN (versão trial disponível, completo custa £14.99).

iVPN has an extremely simple setup that you can easily customise and manage accounts on.
iVPN tem uma forma muito simples de configurar, onde você pode customizar e administrar contas nele.

Você precisará saber o endereço IP do seu roteador (também conhecido como endereço IP externo ou endereço WAN). Se ele for estático, ele não mudará e poderá usá-lo como o endereço do servidor VPN. Se for dinâmico (ou seja, que muda toda vez), então recomendo usar um serviço como o Dynamic DNS (DDNS) se seu roteador suportá-lo. Você recebe um nome de domínio genérico, como seunome.dyndns.org e ele é utilizado como seu endereço de IP externo. Com o Dynamic DNS, seu roteador atualizará, automaticamente, o nome de domínio, toda vez que seu endereço IP mudar, permitindo você sempre se conectar.

Antes de usar o iVPN, garanta que o Mac que você quer usar está configurado com uma endereço de IP estático e tenha certeza de habilitar o encaminhamento de porta. As portas que você precisa encaminhar para o Mac são:

  • TCP - 1701 e 1723
  • UDP 500

Agora, você pode conectar-se à rede da sua casa, via VPN, onde quer que esteja. Sua conexão com a Internet está segura e, se você tiver um Time Capsule ou um armazenamento de rede, você também poderá acessá-los!

Finalizando

Nesse guia, nós mostramos os uso de uma VPN; como estabelecer uma conexão; e até como configurar um servidor VPN próprio. Você usa conexão VPN para trabalho ou em casa? Você usa algum provedor VPN comercial? Deixe suas opiniões pelos comentários!

Seja o primeiro a saber sobre novas traduções–siga @tutsplus_pt no Twitter!

Advertisement
Advertisement
Advertisement
Advertisement
Looking for something to help kick start your next project?
Envato Market has a range of items for sale to help get you started.